Login

Informe seu login e senha para acessar a área restrita:

Login:
Senha:
 
Data: 09.03.2017 11:49
Categoria: Santander

Sindicatos e Santander discutem plano de saúde


Reunida com o Santander no último dia 7, em São Paulo, a Comissão de Organização dos Empregados (COE) cobrou esclarecimentos sobre as mudanças nos planos de saúde, em vigor desde o dia 1º deste mês de março. SulAmérica Saúde, por exemplo, substitui o Bradesco Saúde e a coparticipação passa de 20% para 25% até a 6ª consulta. Para o diretor do Sindicato e representante da Federação dos Bancários de SP e MS na COE, Cristiano Meibach, os sindicatos criticaram as mudanças, prejudiciais aos participantes dos planos.

Principais mudanças:

SulAmérica Saúde substitui Bradesco Saúde.

Coparticipação passa de 20% para 25% até 6ª consulta, a partir da sétima consulta, 30% sem limite.

Sem direito de upgrade.

Reenquadramento de quem estava em plano superior.

Enquadramento por faixa salarial.

Coparticipação por dependente.

Consultas com psicólogos, fisioterapeutas e fonoaudiólogos: coparticipação de 25%.

Unimed passa a ter coparticipação de 25% até a 6ª consulta, a partir da sétima consulta, 30% sem limite.

Para os funcionários contratados a partir de 1º de março deste ano o plano de saúde será com base no cargo e salário e por faixa etária. “O custo será maior podendo chegar até 50% do plano. Ou seja, o Santander está claramente diminuindo suas despesas e cobrando a conta de seus funcionários”, destaca o diretor do Sindicato, Cristiano Meibach.

Rede credenciada

Quanto à rede credenciada, o Santander esclareceu que todos os casos envolvendo gestantes com mais de 24 semanas, tratamento de doenças crônicas, recém-nascidos e trabalhadores afastados que estejam realizando tratamentos serão analisados individualmente. Os sindicatos reivindicaram que doenças do trabalho não tenham coparticipação. E mais: os sindicatos propuseram que seja ampliado para 30 dias o prazo para indicações de médicos, hospitais e outros serviços para as redes da SulAmérica nas cidades que registrarem problemas.


Imprimir       Enviar por email

Comentários

Sem comentários


Adicionar comentário

* - campo obrigatório

*




Imagem CAPTCHA para prevenção de SPAM
Se você não conseguir ler a palavra, clique aqui.
*
*